• Facebook Basic Square
  • Google+ Basic Square

Não faça para os outros, o que eles podem fazer sozinhos

1/5
Please reload

TRAUMA TEM CURA

1/6
Please reload

TEATRO ESPONTÂNEO COMO ABORDAGEM TERAPÊUTICA

1/10
Please reload

13 sinais de que você está desperdiçando sua vida, mas não é capaz de admitir

Quando você era criança, provavelmente queria crescer e se tornar astronauta, cantor ou bombeiro? Certo?

 

Se você conseguiu se tornar aquilo que desejava, espero que a sua vida esteja indo muito bem e que continue vivendo a vida dos seus sonhos. Mas para o que restante de nós que não está vivendo de acordo com aquilo que esperava, a seguir estão os 13 sinais de que você pode estar desperdiçando a sua vida:

 

1. Você gasta muito tempo fazendo coisas desnecessárias:

 

Jogar videogames, assistir séries, ficar na internet, etc. A lista de coisas que você pode fazer para escapar um pouco da realidade é imensa, muitas pessoas acabam encontrando uma espécie de alívio para as próprias frustrações na comida e na bebida, a grande questão é que passamos boa parte do nosso tempo fazendo coisas que não são tão importantes assim, e será que isso está nos levando para uma vida melhor? Pare e pense, você está construindo o futuro que você quer com as ações que tem tomado ultimamente? Se a resposta for não, então você precisa reavaliar as atividades da sua rotina e fazer algumas alterações.

 

2. Você anda reclamando muito ultimamente?

 

Todo mundo conhece alguém que vive reclamando da vida, difícil é reconhecer que às vezes essa pessoa pode ser você. Você reclama do seu emprego? Reclama do seu chefe? Do seu salário? Dos seus vizinhos? Do seu parceiro? Bom, se você estiver fazendo isso, saiba que isso não vai lhe ajudar em nada, na verdade isso só espalha energias negativas e a negatividade não muda muito a sua situação, ela só o mantém preso no mesmo lugar. Uma boa ideia é começar a mudar a forma como você pensa e agradecer pelas coisas boas que têm em sua vida.

 

3. Você não alimenta a sua mente:

 

Se você não está continuamente crescendo e aprendendo como pessoa, então você está estagnado, da mesma forma que uma lagoa parada na qual cresce o musgo. Se você não mantiver a sua mente ativa, aprendendo coisas novas, é isso o que acontece. É importante saber que os desafios positivos na sua vida sempre irão expandir o seu conhecimento, assim como promover o seu crescimento mental.

 

4. A maior parte dos seus pensamentos são negativos:

 

Preste atenção na forma que você fala consigo mesmo. Uma auto-fala positiva pode fazer com que você alcance os seus objetivos, por outro lado, uma auto-fala negativa pode fazer você tropeçar logo nos primeiros passos. Se você disser para si mesmo que não é bom o suficiente, então você estará certo. Se você disser para si mesmo que não tem mais forças para mudar a sua vida, você também estará certo. No final das contas, é você quem constrói o seu futuro e boa parte daquilo que você fala para si mesmo determina como a sua vida será no futuro.

 

5. Você se sente sem inspiração:

 

Você tem alguma paixão? Alguma coisa que você ame fazer? Conheço várias pessoas que pensam que têm várias paixões, mas na maioria das vezes, não é esse o caso. A maioria delas só mantêm essas paixões no imaginário e nunca as tornam realidade, por exemplo, várias pessoas amam piano, porém nunca se esforçaram para fazer sequer uma aula, outras gostam de quadros, mas acham que pintar uma tela é coisa de artista de verdade, assim nunca arriscam a pôr em prática as suas paixões. Já outras pessoas disseram tantos ”nãos” para os seus sonhos que acabaram sem inspiração, eu não as culpo por isso, pois é muito fácil dizer não e o medo também pode atrapalhar, no entanto, a boa notícia é que você pode redescobrir aquilo que você gosta ou descobrir novas coisas que lhe interessem, o importante é dar o primeiro passo.

 

6. Você não planeja o seu futuro:

 

Embora seja sempre bom viver no presente e “estar no momento”, às vezes você precisa olhar para frente e ver aonde quer chegar. Se você não tem uma meta ou um plano, então você é como um barco que vaga sem rumo no oceano na esperança de acabar em algum lugar bom. Só que para aqueles que não sabem para onde vão, qualquer lugar serve. É triste, mas é a plena verdade, por isso, se você quiser chegar em algum lugar, é importante que trace bem o seu caminho, tenha em mente o que você quer e o que será preciso para chegar lá. É necessário que você seja o seu próprio GPS.

 

7. Você gasta muito tempo com pessoas que não contribuem para o seu crescimento:

 

É fácil ficar preso num círculo de amizades que não lhe inspira a se tornar uma pessoa melhor. A má notícia é que se você continuar no mesmo círculo, acabará estagnado ou fazendo a mesmas coisa que eles. Eu costumo chamar esse tipo de pessoas de “sugadores de energia”, eles praticamente sugam a sua vida tirando as energias dos outros, e o pior de tudo é que você não recebe nada de positivo em troca. Uma boa ideia é se afastar aos poucos desse tipo de pessoa, conforme o tempo passar, você perceberá o quão negativas elas eram.

 

8. Você está viciado no seu celular:

 

A maioria das pessoas hoje em dia não vive sem celular, o problema é que a maioria das pessoas parecem entrar numa espécie de transe quando olham para a tela de seus celulares. Apesar de ser muito legal ficar interagindo nas redes sociais, você acaba desperdiçando uma enorme quantidade do seu tempo. Além disso, muitas vezes isso atrapalha as interações sociais reais. Quem nunca acabou falando sozinho quando o amigo decidiu pegar o celular? Se você é o tipo de pessoa que gasta a maior parte do seu tempo mexendo no celular, vale a pena pensar no tempo significativo que você está perdendo, talvez você possa tirar um pouco desse tempo para planejar o futuro.

 

9. Gastar dinheiro em coisas desnecessárias:

 

Há uma diferença entre uma “necessidade” e um “desejo”. Tenho certeza de que todos nós aprendemos isso há muitos anos, ainda no jardim de infância. No entanto, a sociedade atual parece ter se esquecido disso. Se você parar para pensar sobre o assunto, você pode realmente viver com muito pouco. Alimentos, água e amor são basicamente tudo o que você precisa para viver, o resto é apenas bônus (um bônus que muita gente não têm), então pare um pouco para pensar no que você está gastando o seu dinheiro e veja quais ajustes são necessários. Talvez você perceba que muito do seu dinheiro está indo pelo ralo enquanto você poderia estar investindo no seu futuro.

 

10. Você não dorme o suficiente:

 

Eu não sou médico, mas li o suficiente para saber que o sono é extremamente essencial tanto para o nosso corpo quanto para nossa mente. O sono é fundamental para mantermos uma boa saúde, então se você estiver “ocupado” demais para dormir o suficiente, ou se tiver o mau hábito de ficar acordado até as primeiras horas da manhã, é necessário que reavalie os seus hábitos.

 

11. Você não cuida do seu corpo:

 

O sono não é o único elemento essencial para a sua saúde, a alimentação e os exercícios físicos também contribuem significativamente para uma saúde melhor. Eu sei que não estou falando nada que você já não saiba, mas é importante frisar que manter uma alimentação equilibrada e fazer exercícios regulares pode ter um efeito positivo enorme na sua vida. A sua saúde mental e o seu bem-estar também dependem da forma que você cuida do seu corpo, algumas mudanças simples como ajustar o seu sono e regular a sua alimentação podem melhorar e muito a sua vida.

 

12. Você quase nunca sai da sua zona de conforto:

 

Eu sei como é fácil ficar preso à zona de conforto, na verdade, eu costumava pedir sempre a mesma coisa quando saía para jantar fora, não porque tinha medo de provar algo novo, mas porque gosto que a comida siga uma determinada ordem. Mas não é sobre este tipo de zona de conforto que estou me referindo, estou falando sobre a tomada de decisão que pode melhorar a sua vida. É importante lembrar que existe uma diferença entre um “risco” e um “risco calculado”, qualquer risco pode acabar lhe prejudicando, no entanto, um risco calculado envolve pesar todas as opções para realizar um plano de ação sensato. Então pense sobre como está a sua vida agora e como você gostaria que ela fosse, é importante saber que precisará correr alguns riscos no meio do caminho.

 

13. Você está vivendo uma vida que não gosta:

 

A maneira que eu meço o sucesso de alguém é pelo seu nível de felicidade. Será que você está feliz com a sua vida? Se não, esse é um sinal de que você precisa mudar algumas coisas! Até mesmo o sentimento de contentamento ou satisfação pode indicar que você não está vivendo a sua vida ao máximo. Se você não está aproveitando a vida, dê uma olhada em algumas mudanças que você pode fazer para levá-la a um lugar melhor, e não se esqueça de alinhar os seus pensamentos com as suas ações para criar a vida do seus sonhos.

 

 

http://www.psiconlinews.com/2017/03/13-sinais-de-que-voce-esta-desperdicando-sua-vida-mas-nao-e-capaz-de-admitir.html

 

 

 

Compartilhar
Compartilhar
Please reload

Categorias

Tipos de bullying nas escolas

1/10
Please reload